Criciumenses decepcionados da compra de imóvel na planta

Ao falar sobre o sonho da casa própria para os moradores de Criciúma é impossível não citar o ocorrido com a empresa Criciúma Construções, que ao vender milhares de imóveis na planta e posteriormente passar por problemas judiciais, acabou por não entregar os apartamentos deixando inúmeras famílias em total desespero.

Em um artigo anterior contamos uma pouco sobre o triste episódio ocorrido com a empresa, que chegou a ser considerada a maior do Sul do Brasil, com faturamento de R$ 30 milhões por mês. O pesadelo começou a partir de 2014, com o acúmulo de dívidas, deixando 93 obras inacabadas e quase 9 mil pessoas sem receber os imóveis (4 mil segundo os advogados da empresa, alegando que vários investidores compraram mais de um imóvel).

O que aprendemos com tudo isso?

Usando o argumento de que imóveis na planta são muito mais baratos e fáceis de comprar comparados a imóveis usados, as construtoras conquistaram milhares de clientes em todos os estados do Brasil.

O que esses consumidores não se atentaram ao fechar o contrato são os riscos da compra de um apartamento nessas condições. São eles: atraso nas obras; má execução das obras; ou pior, obras sem terminar. O Instituto Nacional de Recuperação Empresarial estima que quase 25.000 famílias sejam “donas” de casas e apartamentos que não foram entregues

As pequenas incorporadoras

As incorporadoras de pequeno e médio porte, que faturam menos de 30 milhões de reais por ano e constroem em pouquíssimas cidades são as que mais geram problemas de entrega. Essas empresas correspondem a 70% das obras em andamento no país, portanto toda atenção é pouco. Antes de fechar qualquer negócio pesquise bastante sobre a empresa na internet, encontre outros consumidores pelas redes sociais e obtenha o máximo de informações possíveis antes de tomar qualquer decisão.

Distrato de imóveis atinge números Record

Uma pesquisa realizada em 2015 pela agência de classificação de risco Fitch Ratings mostra que 36% dos imóveis em construção foram devolvidos. A devolução da compra de um apartamento, popularmente conhecida como distrato de imóvel na planta, representou 6,5 bilhões de reais em 2015, um número muito preocupante. A principal culpa é das próprias construtoras, que falham no planejamento e tentam vender imóveis ainda em construção a qualquer custo.

O que deve fazer quem comprou na planta e quer desistir?

A recomendação de especialistas para consumidores que compraram na planta e querem desistir é optar pelo distrato de imóvel. Prática simples e legal, que garante ao comprador a opção de receber 100% do dinheiro pago a construtora, caso a obra atrase mais de 180 dias da data de entrega prevista em contrato. Ou receber de 80% a 90% dos valores pagos caso o motivo da desistência seja culpa do próprio consumidor (perda de emprego, mudança de cidade, etc). Todo o valor deve ser pago à vista com juros e correção.

Caso essa seja sua situação, procure um advogado focado em direito imobiliário e lute pelos seus direitos.

Criciúma: Crescimento e Prosperidade na Construção Civil

Criciúma é a quinta cidade mais populosa do estado de Santa Catarina, com mais de 209 mil habitantes. A cidade é polo industrial em diversos setores como confecção, embalagens, cerâmico, plástico, metal mecânico, extração do carvão mineral e construção civil. Sem dúvida, destaque-se a extração de carvão como uma marca da cidade, apelidada inclusive como “capital brasileira do carvão”.

Alto Índice de Desenvolvimento Humano

Com um alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), calculado em 0,788 em 2010, Criciúma tem crescido ano após ano em obras públicas, escolas, hospitais, espaços públicos, e também obras privadas, comércios, shoppings, empreendimentos imobiliários, entre outros.

Setor de máquinas pesadas

A cidade tem sido uma das principais contratantes no mercado de locação de retroescavadeiras em Santa Catarina, uma ótima oportunidade para os empreendedores do setor de máquinas pesadas. Prova da realidade deste mercado da cidade, é a presença de empresas na própria cidade de Criciúma, focadas na venda de peças, e outras focadas na manutenção e mecânicas de máquinas pesadas. Como por exemplo, a Gamape e a Retrocril.

Uma história negativa

Do lado negativo dessa história, podemos contar o ocorrido com a empresa do setor imobiliário Criciúma Construções, que após se tornar a maior empresa do ramo de toda a região sul do Brasil, acabou entrando em recuperação judicial devido a altas divida (quase R$ 1 bilhão), deixando milhares de  trabalhadores da empresa em situação difícil, já que muitos não receberam seus direitos trabalhistas após o encerramento da empresa.

O melhor ainda está por vir

Apesar do ocorrido com a Criciúma Construções, essa não é a realidade da maioria dos negócios de Criciúma, como apresentamos na primeira parte deste artigo. A cidade é tem a economia cada vez mais forte, com ótimas oportunidades de negócios, sobretudo na indústria e construção civil, preparam as máquinas, os tratores, os guindastes, as escavadeiras e as retroescavadeiras, pois o melhor ainda está por vir!

Dicas para passar em concursos em Criciúma

Confira a seguir algumas dicas para passar em concursos aqui em Criciúma

É preciso primeiramente definir um planejamento. Primeiro, escolha o cargo desejado, consulte editais anteriores e traçar seus objetivos. Planeje sua preparação e seus horários de estudo, programe simulados e revisões e busque todas informações possíveis sobre como conquistar o cargo desejado.

É muito importante definir também no planejamento o método de estudo. Isso porquê não adianta estudar sem o método adequado. É melhor estudar produtivamente 1 hora do que estudar 3 horas sem concentração e foco. Seu tempo é muito valioso!

Concursos em CriciúmaÉ muito importante para aqueles que desejam passar em concursos, ter muita disciplina. A verdade é que as pessoas de sucesso tem disciplina. Estabeleça datas e horários específicos para seus estudos e cumpra rigorosamente essas datas e horários. Tenha muita determinação em passar e pratique sua autodisciplina para conquistar o seu objetivo.

Além disso, estudar requer paciência e dedicação. Isso quer dizer que você precisará frequentar cursinhos, perder festas, ficar trancado em um quarto por horas a fio, ou seja, para ter sucesso em concursos em Criciúma, você precisará pagar o preço.

Um bom exemplo disso é quem pretende fazer um tcc sem drama, pois no tcc é preciso muita dedicação, pois esse processo de conclusão de curso demora meses para concluir.

A motivação de estudar é muito importante e tem uma grande parcela no sucesso em concursos. Por isso é fundamental procurar formas de se motivar, pensar em coisas positivas que acontecerão com você quando conseguir sua aprovação pode ser uma ótima motivação.

A alimentação é fundamental no sucesso em concursos, consumir alimentos naturais e completo de vitaminas, fazer detox inteligente dias antes da prova e ingerir bastante água é muito importante.

Nossas funções cerebrais responsáveis pela memória, pela concentração e pelo raciocínio lógico, por exemplo, são melhor realizadas se estamos bem nutridos, ou seja, fornecendo ao nosso organismo as vitaminas e minerais necessários ao seu funcionamento.

Comer proteínas, alimentos ricos em zinco, ferro e selênio pode ser um grande benefício para seu estudo. A ingestão habitual de café ajuda a aprimorar a capacidade de retenção da memória, ativando os processos de atenção e de memória de longo prazo.

A última dica é parar para relaxar e se divertir. Dê preferência a atividades leves, como caminhadas, que ajudam a oxigenar melhor o cérebro. Faça o que te deixa feliz e que mantém sua energia boa.

Veja agora algumas dicas de saúde que toda população de Criciúma deveria saber.

2 dicas de saúde que toda população de Criciúma deveria fazer

Segundo o IBGE, Criciúma conta com mais de 200.660 habitantes, sendo a cidade mais populosa do Sul Catarinense.

Com isso o povo de Criciúma tem o dever de cuidar da saúde. É exatamente por isso que o artigo de hoje é para passar algumas dicas de saúde que todo cidadão de Criciúma deve fazer para melhorar sua saúde e aumentar sua expectativa de vida.

1- Consumo de fibras

FibrasTer uma dieta rica em fibras deveria ser uma obrigação para toda população de Criciúma. Isso porquê a fibra combate a pisão de ventre, aumenta a saciedade e diminuem a absorção de açúcares e gorduras, ajudando no combate à diabetes e colesterol alto.

As fibras estão presentes em várias partes dos vegetais e nas frutas. Ao consumir bastante alimentos ricos em fibras é importante beber bastante água para mobilizar o bolo fecal, facilitando sua saída.

No Codigo Emagrecer de Vez funciona por mostrar quais alimentos e nutrientes consumir em uma alimentação saudável.

Existem dois tipos de fibras alimentares, a solúveis e insolúveis. As fibras solúveis como se dissolvem na água formam um gel e permanecem mais tempo no estômago dando assim uma maior sensação de saciedade.

As fibras insolúveis aceleram o trânsito intestinal e aumentam o volume de fezes pois permanecem intactas por todo o trânsito intestinal melhorando a prisão de ventre, e ajudando a diminuir o aparecimento de hemorroidas e inflamações do intestino.

2- Diminuir o consumo de óleo vegetais

Óleos vegetaisOs óleo vegetais é composto de gorduras poli-insaturadas (o mais altamente reativo tipo de gordura), o que lhes deixa propenso à oxidação e à produção de radicais livres quando exposto ao calor e luz.

Óleos poliinsaturados processados são os mais inflamatórios dentro de nossos corpos devido à sua elevada reatividade ao calor e à luz. Essa inflamação é o que ajuda a causar muitos problemas internos tais como doenças cardíacas, câncer e outras doenças degenerativas.

Além disso, os óleos vegetais não trazem problemas apenas para a saúde, mais também para o meio ambiente. Isso porquê um litro de óleo pode contaminar até 20 mil litros de água quando jogado diretamente na pia.

Com isso, o ideal é fazer frituras com óleos que são estáveis, e não oxidam ou se tornam rançosos facilmente e que claro, não prejudicam o meio ambiente.

Óleo de coco, azeite de oliva, óleo de abacate e gorduras animais (banha de porco, sebo) sãos os melhores ingredientes para se cozinhar em altas temperaturas.

O óleo de coco, por exemplo, é muito resistente à temperaturas elevadas, além de ter muitos outros benefícios tanto para a saúde, como para emagrecimento.

Para ficar por dentro do que acontece sobre a saúde em Criciúma, acesse:

http://www.cmscriciuma.com.br